Da culpa de não ser mãe

Existe uma frase bem conhecida que diz: “nasce uma mãe, nasce uma culpa”. E eu inclusive a uso bastante com minhas amigas, afinal, como uma verdadeira expert no assunto culpa, aprendi a detectar e tentar tira o peso dela das pessoas que eu amo. more “Da culpa de não ser mãe”

Como foi o 1º encontro de apoio e acolhimento à infertilidade Cadê Meu Neném?

Aconteceu sábado o 1º encontro de apoio e acolhimento à infertilidade Cadê Meu Neném?, para mulheres. Éramos poucas, mas ficamos próximas. Em uma manhã paulistana ensolarada, trocamos confidências, meditamos, nos abraçamos, comemos um bolinho que adoçou o coração e, ao final, nos abraçamos. more “Como foi o 1º encontro de apoio e acolhimento à infertilidade Cadê Meu Neném?”

14 de junho de 2016

Querido diário, hoje fui ao lançamento do livro “Te amo até a lua”, da querida Ana Davini, que escreveu justamente contando sua experiência com a infertilidade, os tratamentos e o processo de adoção, dando o passo a passo e explicando como se sentia. more “14 de junho de 2016”

“Na emergência do SUS, fiquei quatro dias dormindo no chão até descobrir que tinha endometriose. Ainda estamos na luta”

“Comecei a tentar engravidar em 2011. Fui ao médico e fizemos vários exames. Estava tudo bem, então parei o anticoncepcional. O médico me orientou a tentar por um ano e, se não engravidasse, deveria voltar para um tratamento de fertilização. more ““Na emergência do SUS, fiquei quatro dias dormindo no chão até descobrir que tinha endometriose. Ainda estamos na luta””

“Todos os diagnósticos diziam que minha gravidez seria impossível. Mesmo com hidrossalpinge, mioma e útero retrovertido, tive dois filhos”

“Sempre tive vontade de ser mãe. Adorava cuidar de meus sobrinhos e iniciei minha carreira no magistério com crianças do pré-escolar, então imagine! Casei em 1985 e não fazia nada para evitar filhos, mas eles não vinham. Lembro que quando uma amiga engravidava, eu me sentia triste e até com raiva por não conseguir. more ““Todos os diagnósticos diziam que minha gravidez seria impossível. Mesmo com hidrossalpinge, mioma e útero retrovertido, tive dois filhos””