Junho de 2017

Querido diário, fizemos todos os exames. Marido, claro, apenas espermograma e um de sangue. Eu, vários de sangue, ultrassom com preparo intestinal e histeroscopia. Não vou mentir que foi fácil: senti muita dor na histeroscopia (de novo!). O medicamento que deveria ter me deixado “grogue” para sentir menos dor teve efeito atrasado e só depois que cheguei em casa foi que senti sono. O ultrassom com preparo intestinal também foi chatinho – nunca tinha tomado medicamentos laxantes e a sensação não é a melhor do mundo. Mas pelo menos não doeu. E melhor: finalmente teremos nosso diagnóstico!

 

*Se você tem acompanhado o Cadê vai notar que esse post está bem atrasado e que já tive meu positivo <3. Achei válido dividir porque você pode estar vivendo esse momento e se identificar com alguém que passa pela mesma dor sempre alivia o fardo. Mas se quiser acompanhar a história toda, com começo, meio e fim, clique aqui.

Ah, e se tiver uma história para me contar, me procure na página do Cadê no Facebook, clicando aqui.


Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.